quinta-feira, 12 de agosto de 2010

Enquanto isso, em Hamburgo...

"Do Começo ao Fim" representando o Brasil no Foco Internacional (olha a moral!) do Festival de Cinema Gay e Lésbico 2010 que sempre antecede a CSD de Hamburgo. ;)

MERDA. Qualquer mostra de cinema na Alemanha sempre tem um debate no final onde o povo very academicamente discute o filme, as impressões, etc&tal. Perdi a melhor oportunidade EVER de levantar o meu dedinho numa dessas discussões, soltar em perfeito alemão um "Porque eu sou e moro no Rio de Janeiro..." e ter imediatamente 45 pares de olhinhos azuis virando para mim e brilhando ao perceber que eu sou minimamente pegável & tenho cabelos cacheados & tenho olhos castanhos & tenho uma pele com algum resquício de melanina. :)

Ah, meus tempos na Europa...*suspiros

P.S.- Fiz mal de descrever o filme para meus amigos alemães como "Telenovela meets Brokeback Mountain in The Fantastic World of Apple"?
P.S.2- Ah, falei que tinha nú frontal do morenão gostosão pra compensar.

11 comentários:

Daniel disse...

Mas o filme é uma bosta, né?

Fernando disse...

Eu acho uma ENORME bosta. Mas fato que para as bees de Hamburgo um filminho com uma fotografia aceitável e (alguns) atores bonzinhos vai parecer algo mega diferente.


Viu que fofinho o "Começo" com ç certinho? Saudades dessas perfeições nos detalhes (principalmente com o que vem de fora), tão germânica. :D

Fernando disse...

E para quem não entender o meu choque o ç certinho, na próxima viagem faz a experiência de tentar transmutar um cedilha em qualquer teclado daquele continente.

Mais fácil alemão cruzar no sinal vermelho do que conseguir achar o atalho para a porra desse ç.

Introspective disse...

Hahahaha! Perdeu a chance de ter seus 5 minutos de fama, mermão!

E obrigado pelo comentário cheerful das minhas rapidinhas de gastronomia. Só vc mesmo pra levantar o Ibope :D

Daniel disse...

Acho que eles devem pensar a mesma coisa na hora de escrever o ß.

Lucas T. disse...

Não assisti o filme porque todas fontes confiáveis que assistiram disseram ser ruim. Uma única pessoa (mulher) e meio sem critérios cinematográficos é quem elogiou, então resolvi não perder meu tempo ;P

It Guéls disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk vc é ótemo!!!!!!!!!!!!!!!!

muaaaahhh!

Will Moritz disse...

Em primeiro lugar, acho que o trecho "soltar em perfeito alemão" deveria ser substituído por um "soltar em meu alemão com sotaque carioca", o que, neste caso muito particular, seria um grande plus! Sorry for being a bitch, I've learnend it from you!

Em segundo lugar, acho que vou fazer meus clientes lerem seu blog pra entenderem porque posso demorar um dia a mais pra entregar uma tradução por causa de um "ç".

Em terceiro lugar, seu saudosismo já está chegando aos níveis dramáticos de uma telenovela venezuelana.

:P

Lolla Moon disse...

É impressionante como a melanina é hype em certas paragens da Europa, não? Não em todas, porém nas melhores e mais recomendadas. ;) Só mesmo em Niedersachsen consegui ser sucesso de crítica, for the first time ever. Assim, entendo totalmente o *suspiro*

p.s.: Te escrevi há um tempinho atrás para falar da Alemanha. Fiquei uma vida sem internet (ê, Brasil...) e só vi sua resposta recentemente; agradável surpresa, eu não esperava resposta. Obrigada pela gentileza. :)

Don Diego De La Vega disse...

Ahhh....eu gosto tanto do filme.

Chorei várias vezes vendo. Escrevi defendendo-o lá no blog.

Vcs q não entenderam nada!

rs rs

Fernando disse...

@Daniel: Eu pessoalmente acho o filme horrendo. Mas... tem gente que gosta, neam?

@Daniel 2: Eles quase nao usam mais o ß, e vira-e-mexe o substituem pelo "ss". Facil que na primeira reforma ortografica que rolar, o ß cai. Na Suica ja caiu.

@Will: Perfeito alemao meaning perfeito alemao gramaticalmente. Querido, POR QUE diabos eu iria perder o meu fofissimo sotaque sul-americano (alias, os alemaes falam que o meu sotaque nao e algo sul-americano para eles) em alemao? E o que me destaca da multidao! E depois de conviver com franceses e espanhois, que fazem questao ZERO de falar ingles sem sotaque (tirando que Javier Bardem e Penelope Cruz hablando ingles com sotaque espanhol e ultra sexy, neam?), chutei para o alto as tentativas de reproduzir os fonemas estranhos de idiomas estranhos e me satisfiz em ser sempre a criatura exotica que pronuncia as coisas com um ligeiro sotaque. ;)

@Lola: Exato. Melanina e pop nas paragens CERTAS! :)

@Diego: O filme e ruim e voce gostou. Acontece, amigo. :)